Conheça 9 alimentos que ajudam a parar de fumar

Você sabia que há diversos alimentos que podem ajudar uma pessoa a largar o cigarro? Eles têm efeito inibidor da vontade de fumar, o que ocorre de forma gradativa.

Sendo assim, adotar esses alimentos na sua dieta é fundamental para quem quer parar com o fumo, com menos impactos significativos ao organismo e aos hábitos diários, de forma que o corpo sinta cada vez menos falta do cigarro.

Este post trará uma lista com nove opções de comidas e bebidas para quem deseja largar a dependência de forma mais tranquila e natural. Continue a leitura para conferir os alimentos para largar o cigarro!

1. Tomate: familiaridade com o tabaco

O tomate pode ser um bom aliado na redução da vontade de fumar, e o motivo disso é bastante curioso: ele pertence à mesma família de plantas do tabaco, e aí começa a relação entre eles.

O aroma do tomate reduz a vontade de fumar. De certo modo, é como se a ingestão do alimento equivalesse a fumar, só que sem todos os outros elementos tóxicos do cigarro que vêm junto com o hábito.

As formas de consumo podem ser variadas, como em saladas, molhos de tomate e sucos ― sendo este último considerado a forma mais eficiente para esse tipo de uso.

2. Laranja: um dos principais alimentos para largar o cigarro

O cigarro causa uma grande perda de nutrientes, entre eles a vitamina C, e é aí que entra a importância da laranja na alimentação. Ao fazer a reposição dessa vitamina por meio da ingestão da fruta, o fumante sente menos vontade do cigarro.

Isso ocorre pois, ao perder os nutrientes e as vitaminas, o corpo costuma buscá-los em elementos da nicotina, o que causa severa dependência. Com o consumo de laranja, a vitamina C retorna ao organismo, que passa a sentir menos falta do fumo.

A laranja pode ser consumida de diversas formas, desde a fruta em si até em sucos naturais e vitaminas, com pouco ― ou sem ― açúcar, uma vez que a substância pode despertar a vontade de fumar.

3. Óleo de linhaça: fonte de ômega 3

As sementes de linhaça são muito conhecidas por sua eficiência no processo de emagrecimento e, só por esse benefício, ela já é muito importante para quem está largando o cigarro, já que o ganho de peso é uma consequência.

Entretanto, há também o óleo de linhaça, que é extraído da semente, e que é rico em ômega 3, composto que estimula a liberação do hormônio serotonina, diretamente ligado à ansiedade. Ou seja, tem grande influência na vontade de fumar, fazendo com que ela reduza.

Sabendo que muito do hábito do fumo pode estar ligado a questões relacionadas ao nervosismo e à ansiedade, é possível concluir que o óleo de linhaça é um grande aliado!

4. Água: desintoxicante puro e natural

A água é fundamental em qualquer dieta, sobretudo para quem tenta se livrar do fumo. Além de contribuir para que o gosto do cigarro fique pior, a água acalma e desintoxica o organismo, o que é importante durante o processo para largar a dependência do fumo.

A irritabilidade causada pela abstinência e a resistência a deixar o cigarro sofrem duros golpes se você adotar com frequência o hábito de beber água, principalmente naqueles momentos em que a vontade de fumar fica muito grande.

5. Banana: fundamental no início do processo

As bananas têm grande valor, particularmente nas primeiras semanas do processo de abandono do cigarro. A base disso é a vitamina B6, além de outros nutrientes presentes na fruta.

Elas são importantes na recuperação do corpo nessas semanas em que a falta do fumo é muito sentida, quase em um estado de abstinência. O aminoácido triptofano também ajuda na produção de serotonina, que, como dissemos, age diretamente na redução da ansiedade e na diminuição da vontade de fumar.

6. Cenoura: combate os radicais livres

A cenoura também é um alimento que age diretamente no prazer que o fumante tem, fazendo com que a cada dia o cigarro passe a ter um gosto pior.

Além disso, a cenoura é rica em vitamina E. O nutriente é imprescindível para combater o aumento de radicais livres provocado pelo cigarro. Assim, ao eliminar essas substâncias, diminui-se cada vez mais o nível de dependência do corpo em relação ao fumo.

7. Brócolis: essencial para o pulmão e intestino

Esse vegetal tem grande importância na redução da vontade de fumar! O brócolis é rico em sulforafano, que age na redução de alguns dos principais danos que o cigarro causa ao pulmão, ajudando a evitar diversas doenças, como o câncer.

Além disso, o vegetal se torna ainda mais fundamental nos primeiros dias do processo de abandono do fumo. Nesse período, o intestino costuma não funcionar muito bem, o que pode causar bastante incômodo. Por ser rico em fibras, o brócolis ajuda a normalizar o organismo.

8. Chá de ervas: bom substituto ao café

O chá de ervas é uma bebida natural e que pode ser essencial para substituir o café, seja logo pela manhã, seja durante a tarde. A grande dica é realmente tirar da dieta outras bebidas que contenham cafeína, substância que aumenta o desejo pelo cigarro.

Além disso, a base do chá é a água, então você terá mais uma oportunidade de aproveitar os benefícios calmantes que ela traz para o organismo ― que ainda está tentando se acostumar com a falta de nicotina.

As ervas mais indicadas são: camomila, jurema, ginseng, jasmin, lobeira, valeriana e artemísia (erva de São João). Em comum, elas possuem substâncias que atuam acalmando e reduzindo a ansiedade.

9. Alimentos com formato de cigarro: efeito psicológico

Essa pode parecer uma dica estranha, mas você entenderá. Muito da dependência do cigarro está ligada também a hábitos mecânicos como ter algo na boca ou segurá-lo entre os dedos. Acredite: até a falta desses movimentos é sentida durante a abstinência do fumo.

Alguns alimentos podem ajudar muito pelo fato de apresentarem o formato do cigarro e serem consumidos com a mesma mecânica corporal. Entre eles, podemos destacar aipo, canela, palmito e cenoura cortada em fatias pequenas.

Parar de fumar não é uma tarefa fácil: depende da boa vontade da pessoa, aliada a hábitos que façam bem para o corpo e para a mente.

Mas quanto mais informações você absorver, como as que trouxemos neste post sobre alimentos para largar o cigarro, menos árduo esse caminho ficará.

Gostou deste conteúdo? Assine nossa newsletter e receba muito mais em seu e-mail!

Últimas Notícias

Alimentação