Entenda o que é alimentação consciente e seus impactos

A sociedade se encontra em constantes buscas por novos hábitos que proporcionem melhores cuidados com a saúde, e comer certo é uma dessas necessidades frequentes. Entre as soluções, a alimentação consciente é uma prática que tem feito cada vez mais adeptos, graças à sua abordagem única.

As rotinas aceleradas e o cotidiano de muitas tarefas acabam prejudicando momentos únicos e importantes do dia, como a refeição. Não se dedicar devidamente a essa ocasião pode ser prejudicial à sua relação com a comida.

Este post vai mostrar como a busca pela alimentação consciente pode trazer benefícios positivos à saúde e como é possível adotar essa prática. Confira!

O que é a alimentação consciente?

A alimentação é uma necessidade do organismo humano e a refeição é encarada como um momento normal, em que essa demanda é suprida. É algo tão comum ao cotidiano que, em meio a tantos compromissos e preocupações, fica difícil dar a devida atenção ao ato de comer.

Faça uma reflexão: quantas vezes você já dedicou sua atenção inteiramente ao momento de uma refeição? É muito raro que alguém foque nos sabores, no processo de mastigação e ingestão da comida, percebendo cada etapa fundamental na alimentação. Talvez você já tenha feito isso, mas em ocasiões especiais, em jantares comemorativos, por exemplo, em finais de semanas e momentos de maior descontração e relaxamento.

No dia a dia comum é difícil deixar de pensar em assuntos importantes durante as refeições. Geralmente, esses momentos não recebem a atenção necessária e isso tem consequências que poucas pessoas podem imaginar.

Como a alimentação consciente se a relaciona ao emagrecimento?

A busca por emagrecer nem sempre tem a ver com dietas altamente restritivas e com o corte de uma série de alimentos. Esses métodos não são a solução ideal, apesar de muitas vezes oferecerem resultados imediatos. O grande problema está nessa falsa ideia de eficiência, que logo dá lugar ao efeito sanfona.

O mais importante para conseguir a tão buscada perda de peso é ter uma melhor relação com a comida, e parte disso inclui o entendimento da necessidade da alimentação consciente. Saber o que está comendo, o motivo pelo qual está comendo e ter participação focada nas refeições: esses são os principais fatores para obter hábitos saudáveis relacionados à comida.

Qual a influência do estado emocional na alimentação?

O estresse é um problema que normalmente acomete muitas pessoas da sociedade moderna. Não é fácil lidar com a pressão das obrigações diárias, que acabam acarretando em ansiedade, nervosismo e tristezas. Esses sentimentos desencadeiam reações quase que involuntárias, e muitos indivíduos encontram na comida um refúgio para aliviar essas angústias.

A concentração de sentimentos negativos e altos níveis de estresse abrem espaço para diversos gatilhos da alimentação desregrada. Com isso, alguém que não tem fome, por exemplo, come para aliviar a ansiedade. A recorrência dessas situações dá origem a distúrbios alimentares e à falta de consciência na hora de comer.

O que é a técnica de mindfullness eating?

Chegar à alimentação consciente pode ser um caminho mais facilmente percorrido com a ajuda de técnicas eficientes, comprovadamente úteis. A principal delas é a mindfullness eating. Ela consiste em preparar a pessoa para entender melhor a importância do processo alimentar, fazendo com que haja mudanças que conduzam para uma postura mais consciente.

A técnica de mindfullness tem a proposta simples de aumentar a conexão com a mente, fazendo com que a percepção e a concentração para cada atividade sejam plenas e ininterruptas, sem espaços para distrações. Assim, é possível alcançar um estado de melhor percepção do corpo, sem brechas para emoções que possam causar desequilíbrio.

Todo esse foco obtido pelo exercício do mindfullness pode ser aplicado em vários momentos: nos estudos, no autoconhecimento, no trabalho e na alimentação. Quando o termo mindfullness eating surge, ele visa designar a aplicação dessa técnica justamente na comida, desenvolvendo a consciência alimentar.

O que o mindfullness eating proporciona?

O mindfullness eating torna o processo alimentar mais claro. Quem adota essa técnica consegue entender suas reais necessidades e não permite que nenhum fator externo interfira nas suas demandas alimentares.

Em um estado total de foco, preocupações e ansiedades não serão capazes de funcionar como gatilhos para a vontade de comer. Com a plenitude emocional proporcionada por essa técnica, você terá a consciência de que seus anseios devem ser controlados de maneira inteligente, e que comer não ajudará a lidar com os problemas.

Outro importante benefício que o mindfullness eating é a capacidade de entender se realmente tem fome em determinado momento, ou se é uma questão psicológica. Saber fazer essa diferenciação ajuda muito no sentido de evitar comer por rotina, sem que seu corpo realmente esteja necessitando em determinado momento.

Qual a diferença entre fome física e fome emocional?

A fome é uma reação do corpo humano quando os níveis de açúcar do sangue estão baixos, ou seja, quando há a necessidade de se alimentar e repor nutrientes. Nesse momento, algumas sensações como o estômago “roncando” e dores de cabeça, caso a fome seja prolongada, podem ocorrer. Essa é a situação comum, em que realmente há a necessidade de alimentação, sendo chamada de fome física.

Entretanto, há também manifestações emocionais que costumam confundir as pessoas. Situações de alto estresse, nervosismo e ansiedade podem acarretar na busca por alimentação, pois, involuntariamente, comer vai trazer a liberação da serotonina, proporcionando bem-estar. Essa situação é chamada de fome emocional.

O grande perigo da fome emocional é que a pessoa que sofre com constantes problemas causados por desequilíbrios emocionais sempre buscará fuga na comida. Essa prática pode causar a compulsão alimentar e problemas de saúde, como a obesidade.

O papel do mindfullness eating nessa situação é do autoconhecimento acerca da capacidade de distinguir a fome física, que é a fome de verdade, da emocional, que é apenas uma reação a outros problemas. Como ganho, a pessoa é capaz de se manter concentrada e evitar hábitos alimentares ruins.

Qual a importância das refeições?

As refeições também são encaradas de outra maneira, com uma participação muito mais consciente e dedicada. Saborear as comidas será mais fácil, assim como, mastigar e ter calma ao engolir. Isso é de grande ajuda no processo de saciedade, além de ser fundamental para que o corpo consiga digerir bem o alimento e processar todos os nutrientes importantes ao corpo humano.

Como é a mudança da percepção sobre a comida?

O mindfullness é fundamental para uma maior conscientização a respeito de tudo ao redor e, o foco que ele oferece, de maneira geral, ajuda a entender que a comida é, antes de tudo, um combustível e que sua função deve ser a de oferecer nutrientes indispensáveis ao corpo, na medida certa e no momento ideal.

A busca pela alimentação consciente é fundamental para a mudança de estilo de vida, que traz resultados para o corpo, tanto na parte estética quanto na saúde. Essa relação ideal com a comida é indispensável a quem quer encontrar a mudança permanente.

Foi ótimo poder saber mais sobre um tema tão interessante, não é mesmo? Aproveite e assine nossa newsletter, assim, você recebe mais conteúdos como este no seu e-mail!

Últimas Notícias

Alimentação