Vitaminas das frutas: quais as melhores para inserir na dieta?

Uma alimentação regrada é parte fundamental de um estilo de vida saudável e que valoriza o bem-estar de forma completa, não focando apenas na parte estética. As vitaminas das frutas trazem benefícios extensos, sendo parte de uma dieta adequada e que traz benefícios.

Para extrair o melhor desses alimentos, é fundamental conhecê-los bem, sabendo as vitaminas que você vai encontrar e como elas podem ser adicionadas ao seu cardápio cotidiano.

Continue lendo e confira quais são os benefícios do consumo de frutas, as principais vitaminas encontradas nelas e como você pode incluí-las no seu dia a dia!

Quais são os principais tipos de vitaminas das frutas?

Quem já busca uma alimentação equilibrada sabe como as frutas têm um importante papel em uma dieta equilibrada e saudável. Além de saborosas, elas trazem uma série de nutrientes e vitaminas importantes, que ajudam a prevenir doenças e oferecem ao organismo o que ele precisa para funcionar bem.

Seja misturadas em refeições ou sozinhas, as frutas ajudam na sensação de saciedade em vários momentos do dia, mantendo o organismo funcionando bem. Elas ainda proporcionam um combustível interessante e que deve ser utilizado para seguir o cotidiano de maneira saudável e com energia.

As vitaminas C, A e as do complexo B são as principais que podem ser encontradas nesses alimentos. A seguir, conheça melhor as vitaminas das frutas e seus respectivos papéis.

Vitamina C

A vitamina C aumenta a resistência do organismo, fortalecendo o sistema imunológico, ou seja, melhorando a condição natural que cada organismo tem de combater doenças.

Qualquer tipo de enfermidade menos grave, mas desgastante ao corpo, como resfriados e gripes, são prevenidas graças a uma dieta rica em vitamina C. Isso permite um cotidiano mais saudável e de maior disposição.

Essa vitamina também tem importante ação antioxidante, ou seja, não permite que os radicais livres estejam presentes no organismo, evitando, assim, o desenvolvimento de diversos tipos de doenças e a degradação das células. Além disso, a vitamina C ainda é de grande importância para ajudar o organismo a absorver nutrientes.

Outro ponto de destaque da vitamina C é que ela é uma fonte de colágeno, ajudando a retardar o envelhecimento estético, mantendo a pele mais flexível. Isso evita o surgimento de rugas e mantém a hidratação. Essa vitamina também auxilia a fortalecer os dentes, os ossos e as paredes dos vasos sanguíneos.

Vitamina A

A vitamina A é fundamental para o desenvolvimento celular, atuando também de forma eficaz na saúde dos olhos e da pele. Ela ainda é antioxidante e ajuda a fortalecer o sistema imunológico, característica bastante comum entre a maioria das vitaminas das frutas.

Sua capacidade de regeneração celular é um dos grandes benefícios que ela traz à dieta de uma pessoa. Assim, o organismo consegue combater melhor as doenças e manter, por exemplo, a pele mais saudável e jovem por mais tempo.

Parte fundamental das nossas funções, a visão também recebe grandes benefícios quando há uma dieta rica em vitamina A. Isso acontece porque esses nutrientes ajudam na hidratação da córnea, mantendo a visão mais capacitada durante todos os períodos do dia.

Com o passar do tempo, a tendência é que a córnea tenha maior dificuldade em distribuir a luz por todo o olho, causando dificuldades de enxergar durante a noite e trazendo a sensação de ressecamento. Se há boa presença de vitamina A no organismo, esses problemas são controlados.

Vitaminas do complexo B

O complexo B é um grupo que inclui uma série de outras vitaminas, como B1, B2, B3, B5, B6, B7, B9 e B12. Cada uma delas tem funções importantes para o corpo, trazendo benefícios diferenciados e tornando o complexo B fundamental para a alimentação de quem busca uma dieta positiva.

Para facilitar um pouco o entendimento dos benefícios dessas vitaminas, veja abaixo o que cada uma pode proporcionar:

  • B1: renovação celular, fertilidade e fortalecimento imunitário;
  • B2: previne ataques cardíacos, fortalece o sistema imunológico, combate os radicais livres que causam doenças e o envelhecimento e acelera o metabolismo;
  • B3: ajuda na digestão e na queima de gorduras, auxilia a gerar energia e aumenta o bom colesterol;
  • B5: fortalece o crescimento e a manutenção da saúde da pele e dos cabelos, ajuda na produção de testosterona e a processar proteínas e carboidratos;
  • B6: é fonte de serotonina, combate doenças cerebrais e cardíacas e contribui para o funcionamento adequado do sistema nervoso central;
  • B7: ajuda no controle do colesterol e do nível de açúcar no sangue, além de proporcionar uma pele livre de acne;
  • B9: combate a depressão, fortalece a memória, ajuda na produção da hemoglobina, responsável por oxigenar o sangue e ainda contribui para a boa circulação;
  • B12: fortalece e protege as células nervosas do sistema central, além de ajudar na manutenção celular em várias partes do organismo.

Quais são as melhores frutas para inserir na alimentação?

Depois de conhecer a ação das vitaminas, é fundamental saber em quais frutas você pode encontrá-las. As opções são extensas, sempre possibilitando encaixá-las bem na sua dieta, mas também procurar variedades que agradem ao paladar.

Naturalmente, preparar uma saborosa salada de frutas é uma opção muito boa, já que ela reúne todas as vitaminas e ainda é uma alternativa excelente para o dia a dia. No entanto, comer todo dia a mesma combinação pode causar saturação ao seu paladar, o que não é nada interessante.

A grande vantagem de buscar as vitaminas das frutas é justamente a possibilidade de diversificar bastante o cardápio, se alimentando com diversas opções e por toda a semana.

As frutas, além de serem consumidas individualmente, também podem figurar em diversas receitas, assim como nos sucos naturais, sem adição de açúcar. Ter essas possibilidades mais amplas permite absorver todas as vitaminas naturalmente dentro de uma dieta regrada e saudável.

A seguir, confira as principais frutas que você pode adotar no seu cardápio e veja quais vitaminas cada uma delas oferece para o seu organismo!

Abacate

O abacate é uma importante fonte de vitaminas A, B1, B2 e C, sendo capaz de oferecer muitos nutrientes e tendo um importante papel dentro de uma refeição, já que ele oferece um bom nível de saciedade.

Em várias culinárias ao redor do mundo, o abacate é utilizado para preparar saladas e também molhos de todos os tipos. O único cuidado com o abacate é que ele tem um nível maior de gordura, o que demanda controle na hora de consumir.

Além das vitaminas, o abacate ainda tem grande quantidade de fibras (o que ajuda a regular o intestino), auxilia a elevar o bom colesterol e é uma boa fonte de cálcio e ferro.

Banana

A banana é uma das frutas mais versáteis e que podem ser consumidas de diferentes formas. Seu sabor incomparável e sua praticidade permitem que ela seja ingerida sozinha, em vitaminas, em saladas e misturadas com grãos, como a aveia.

Essa fruta é rica em vitaminas A, B1, B2, B6 e C, além de ser uma fonte poderosa de potássio, sódio, fósforo e magnésio. Para quem pratica exercícios físicos regulares, a banana ajuda no combate às câimbras, auxiliando no equilíbrio muscular.

Ela também é uma ótima fonte de serotonina, reduzindo aquela vontade de comer algo doce. A vitamina B6 presente nela ainda ajuda o organismo a absorver menores níveis de gordura nas refeições.

Acerola

A acerola é uma fruta muito popular no Brasil, com um sabor único e que faz com que ela seja bastante utilizada em sucos. Por trás disso há uma ótima fonte de vitaminas A, B1, B2 e, principalmente, C, sendo até mesmo mais rica que outras frutas, como o limão e a laranja, por exemplo.

Ela tem importante ação antioxidante, evitando a degradação das células e o desenvolvimento de doenças por conta dos radicais livres. Além disso, a acerola também é capaz de controlar os níveis de açúcar no sangue.

Naturalmente, sua rica fonte de vitamina C contribui para o fortalecimento do sistema imunológico, fundamental para a disposição do dia a dia e para a proteção contra doenças menos graves, mas desgastantes. Além disso, como dito, a vitamina A também tem ótimo efeito para os olhos.

Laranja

Muito conhecida por ser uma fonte importante de vitamina C, a laranja ainda concentra as vitaminas A e uma série das do complexo B. Seu consumo é bastante tradicional, servindo também para preparar deliciosos sucos e uma série de outras receitas saborosas.

A laranja tem na vitamina C a já conhecida função de fortalecimento das defesas do corpo contra doenças mais simples. Mas indo além, há uma série de outros benefícios em seu consumo. Um deles é seu alto nível de fibras, que ajuda na saciedade e na perda de peso.

Ela também contribui para a melhoria da atividade cardiovascular, ajuda a pele a se recuperar dos efeitos do sol e previne a degeneração da mácula, que acontece com o tempo e pode provocar a cegueira noturna.

Caju

Seu grande forte é o suco, mas ele pode ser consumido de outras formas. O caju é uma fonte importante de vitaminas A, B1, B2, B5 e C. Seu baixo teor calórico também é um fator interessante, tornando o seu consumo ainda mais amplo.

Entre as suas principais propriedades é possível destacar a presença das gorduras monoinsaturadas, que têm um importante papel no combate do colesterol ruim.

Ele também é um bom antioxidante e tem ótimas propriedades para as questões estéticas, já que ele contém o cobre, importante mineral que fortalece unhas e cabelos, além de deixar a pele mais macia, brilhante e saudável.

O caju também é rico em flavonoides, que são antioxidantes que ajudam a combater o desenvolvimento de doenças, como o câncer e outros tumores de todos os tipos.

Figo

O figo é uma ótima fonte de vitaminas A e C, contendo também bons minerais, como o ferro e o cálcio, importantes para o fortalecimento dos ossos. Seu consumo é geralmente natural, com a fruta sozinha sem nenhuma mistura.

Por ser uma fruta diurética, o figo ajuda a eliminar o excesso de líquidos do corpo, favorecendo o desinchaço. Sua boa quantidade de fibras auxilia na saciedade e na regulação do intestino, que funciona melhor, contribuindo para a menor absorção de calorias e na manutenção do peso.

Outro importante benefício do figo e que merece destaque é sua atenção no combate à diabetes. Isso é possível graças à presença do ácido clorogênico em sua composição, ajudando a regular os níveis de insulina presentes no corpo.

Morango

Não há fruta mais icônica que o morango! Ele pode ser consumida de inúmeras formas, dando origem a muitos outros alimentos e receitas. Seu sabor não é o único chamariz, pois ela é uma fonte sólida de vitaminas C e B6.

O morango é rico em antioxidantes e também ajuda a equilibrar o nível de glicose no sangue, se consumido com certa regularidade durante a semana. Ele ainda direciona a queima de gorduras e contribui no controle da sensação de fome, deixando o apetite mais equilibrado.

A vitamina C também fortalece o sistema imunológico e combate os radicais livres, retardando os efeitos do envelhecimento precoce e mantendo a pele renovada, graças à produção de novas células.

Maçã

Fonte de vitaminas C, B1, B2 e B3, a maçã também é uma das frutas mais populares, facilmente consumida sozinha em diversos momentos do dia. Ela tem boa capacidade de saciar, o que a torna uma fruta coringa para o cardápio de quem quer um estilo de vida mais saudável.

A maçã tem propriedades capazes de proteger as células nervosas, combatendo o desenvolvimento de doenças, como o mal de Alzheimer e o mal de Parkinson. Ela também é de grande ajuda para o fortalecimento ósseo da mulher no período pós-menopausa, graças à presença dos flavonoides.

Seus antioxidantes também reduzem o risco da catarata, além de fortalecerem o sistema imunológico contra doenças de todos os tipos.

Como adicioná-las ao cardápio?

As vitaminas das frutas podem ser aproveitadas de maneira ampla, graças às várias possibilidades que esses alimentos proporcionam em relação aos modos de preparo. O consumo da fruta pura é uma tradição no Brasil, já que o país é fértil para quase todas as mais conhecidas.

Contudo, muitas vezes uma fruta não é capaz de substituir uma das três refeições principais, mesmo aquelas que têm um alto poder de saciedade. Isso faz com que elas acabem sendo deslocadas apenas como opções para sobremesa ou complemento do café da manhã.

Entretanto, é possível aproveitar ao máximo as vitaminas das frutas em diversos momentos, não somente no consumo direto delas. A culinária sempre dá um jeito de utilizar essas frutas em diversos pratos, o que permite uma alimentação regrada e capaz de extrair todos os benefícios que elas oferecem.

A seguir, veja as diferentes maneiras de encaixar as frutas na sua dieta cotidiana!

Saladas

Além das folhas e dos vegetais, as saladas podem receber todo tipo de alimento. Mas buscando uma opção bem saudável, livre de gorduras e de qualquer coisa de origem animal, as saladas que levam frutas são ótimas pedidas para qualquer refeição. Aquelas mais incrementadas podem bastar, enquanto outras servem de acompanhamento.

A salada tropical é a opção que abre espaço para as frutas, em uma alternativa bem leve, refrescante e perfeita para os dias mais quentes. É possível fazer combinações muito saborosas e com baixo índice de calorias, misturando as folhas com as frutas, preferencialmente, já que elas combinam melhor no sabor.

Não há restrições: todo tipo de combinação pode acontecer, desde que agrade ao seu paladar. Já há muitas receitas famosas e que são aclamadas pelos principais chefes de cozinha do mundo, fortalecendo esse hábito de aproveitar ao máximo as vitaminas das frutas.

O guacamole é uma receita tradicional da cozinha mexicana e trata-se de uma espécie de pasta feita com abacate e outros temperos, contando somente com ingredientes naturais, entre vegetais, sal e pimenta. É possível preparar essa receita para acompanhar uma ótima salada de folhas verdes.

Sobremesas

A fruta em si já é uma sobremesa consagrada, especialmente para quem busca uma alimentação saudável, fugindo de doces e outras opções calóricas e com adição de açúcar.

O morango, a maçã, a laranja e a banana são alguns dos exemplos mais comuns de frutas que são ótimas para consumir após uma refeição. Ainda assim, é possível fazer algo mais elaborado como sobremesa.

Os doces de frutas são excelentes opções para degustar após uma refeição, tirando aquela vontade incontrolável por açúcar. Há diversas receitas que não são adoçadas artificialmente, permitindo uma escolha saudável e natural, em que o foco seja extrair as vitaminas das frutas e degustar algo saboroso.

Além das várias possibilidades de doces de cada uma dessas frutas, há também a boa e velha salada de frutas. Ela é uma opção altamente nutritiva e saborosa, que pode ser consumida em qualquer momento do dia.

Pela ótima mistura de frutas, ela é um alimento que traz muitos benefícios, além de saciar a fome em momentos como o café da manhã e o lanche da tarde, por exemplo.

Sucos

Pode ser difícil fazer uma refeição sem nenhum líquido para acompanhar, não é mesmo? Um suco é uma opção excelente para acompanhar desde o café da manhã até a ceia. O mais interessante é que praticamente todas as frutas são capazes de dar origem aos sucos de forma natural, sem adição de açúcar.

No calor, também é importante se manter sempre hidratado, consumindo muitos líquidos. Para quem tem dificuldade de beber água, os sucos são uma opção ao longo do dia que preenchem bem as necessidades, claro, sem dispensar o hábito da água.

Aproveitar as vitaminas das frutas bebendo um suco é, além de saudável, também uma experiência deliciosa e prazerosa. Você pode brincar um pouco na cozinha e misturar duas frutas para fazer sucos diferentes, algo muito comum na culinária brasileira. A oferta de opções é vasta, então vale a pena adotar esse hábito para sua dieta alimentar.

Frozen

O frozen yogurt é uma receita americana, mas que vem fazendo muito sucesso por aqui. Ele consiste na ideia de um iogurte congelado, porém, é possível ter uma opção mais saudável dessa receita, sem utilizar nenhum tipo de derivado do leite.

A proposta é muito simples: ao preparar um suco, você chega até a textura de polpa, não é mesmo? Dessa forma, basta congelar a fruta nesse estágio, então terá um frozen totalmente natural.

Para quem gosta de uma receita mais macia, basta adicionar duas pitadas de sal antes de colocar a polpa no congelador, dessa forma, ele vai ficar mais cremoso, mantendo seu sabor e oferecendo uma ótima maneira de aproveitar as vitaminas das frutas.

Dá para fazer o frozen de praticamente todas as frutas, da mesma forma que é possível fazer sucos naturais. Basta levar a polpa ao congelador. Você pode consumir ele como uma ótima opção de sobremesa, especialmente em dias mais quentes.

Busque sempre opções frescas e varie as frutas

Aproveitar as vitaminas das frutas é algo muito simples e possível para qualquer pessoa que preza por uma dieta mais saudável. Como o Brasil é um país extremamente fértil graças ao seu clima, você pode comprá-las em mercados, hortifrútis e nas tradicionais feiras de rua.

As diferentes épocas influenciam na oferta, o que de certo modo também ajuda para que você possa diversificar suas escolhas. As frutas frescas são sempre as melhores opções para as receitas, trazendo mais sabor e se mantendo conservadas por mais tempo.

Busque também a opção por frutas orgânicas, caso você tenha acesso a elas. Naturalmente, são opções mais saudáveis e com a garantia de serem livres de agrotóxico, graças a um trabalho em menor escala, porém, mais dedicado e natural.

Viu como é possível aproveitar as vitaminas das frutas ao máximo? Você terá diversas boas opções para incluir no seu dia a dia, além de receitas e ótimas ideias para comer frutas em várias ocasiões.

Quais são as frutas que você mais tem comido recentemente? Conte para a gente nos comentários e aproveite para deixar uma sugestão de receita com ela!

Últimas Notícias

Alimentação