Cuidados com a beleza de maneira saudável: aprenda aqui!

Cada vez mais pessoas trocam a farmácia pela feira na hora de tratar a saúde. E não é diferente quando falamos em cuidados com a beleza! Alimentos funcionais e produtos naturais estão conquistando um público que quer distância dos industrializados, evitando toxinas, excesso de embalagens, artigos cuja produção exige testes em animais e ingredientes de alto impacto ambiental, contribuindo para o seu próprio bem-estar e do meio ambiente.

Apesar de a propaganda ser uma das principais frentes da indústria dos cosméticos, a verdade é que muitos dos itens disponíveis no mercado contêm substâncias nocivas à saúde, como parabenos, corantes artificiais, chumbo e amônia, que podem causar desde uma simples alergia até o temido câncer.

Frutas, legumes, argilas, chás, óleos naturais e bons hábitos são os ingredientes necessários para a sua receita diária de tratamentos estéticos.

No post de hoje, você vai conhecer os principais hábitos que prejudicam a sua saúde e aparência e aprenderá a usar a natureza a seu favor. Este guia te fará dizer adeus aos produtos químicos e melhorar o seu bem-estar. O que está esperando? Não perca tempo e acompanhe!

Quais hábitos diários prejudicam a sua saúde e beleza?

Você provavelmente já sabe que seu estilo de vida influencia diretamente a sua saúde e beleza, certo? Porém, na prática, muitas vezes não relacionamos pequenos hábitos diários aos seus efeitos em nosso corpo.

Ainda que você tenha uma rotina atribulada, com muitas atividades e pouco tempo, é possível adquirir práticas saudáveis gradativamente, evitando hábitos nocivos. Com a saúde em dia, você tem muito mais energia para realizar suas tarefas — e o seu corpo agradece!

Segundo pesquisadores da Universidade College London (UCL), um hábito novo leva, em média, dois meses para se consolidar, passando a ser executado sem esforço. E, quando se trata da sua saúde, os rápidos benefícios que bons hábitos proporcionam são um incentivo e tanto para continuar!

Para começar a adotar novas práticas, saiba quais são aquelas que você precisa abandonar hoje mesmo:

Não se alimentar adequadamente

Os cuidados com a beleza começam de dentro para fora. Além de não contribuir em nada para a sua saúde, investir em cosméticos sem cuidar daquilo que você ingere produz efeitos apenas temporários. A alimentação é a base do funcionamento do nosso organismo, sendo também a principal responsável pelo aspecto do corpo.

Pular refeições, escolher opções industrializadas em vez de lanches saudáveis, consumir gorduras saturadas e açúcares em excesso, tomar refrigerante, exagerar nas carnes, ter uma dieta pobre em fibras e colocar muito sal na comida são alguns exemplos de hábitos alimentares que estão prejudicando a sua saúde e beleza.

Ter uma má alimentação causa fadiga, estresse e prejudica especialmente o funcionamento dos rins e do intestino, aumentando também o risco de diabetes, colesterol alto, doenças cardíacas e obesidade.

Queda de cabelo, lábios ressecados, gengivas sensíveis, flacidez, unhas frágeis e problemas de pele são outros sintomas da falta de vitaminas. Quando o seu corpo não recebe os nutrientes necessários para funcionar bem, não tenha dúvidas: sua aparência também sente os efeitos.

Dormir pouco

Olheiras ao redor dos olhos e uma pele sem viço são consequências de uma noite mal dormida. Se você tem o hábito de repousar pouco, especialmente para trabalhar, estudar ou cumprir outras tarefas, é hora de rever as suas prioridades.

O sono é fundamental para recarregar energias, consolidar novos conhecimentos. Esse estado de consciência também contribui para a renovação celular, ativação do sistema imunológico e produção de hormônios que regulam o metabolismo.

Dormir mal gera um alto nível de cortisol no organismo, hormônio relacionado ao estresse, levando ao surgimento de rugas e à formação de radicais livres. Ainda que você não precise de muitas horas de sono por noite, certifique-se de que elas sejam de qualidade.

Fumar e consumir álcool

Os malefícios do cigarro para a sua saúde dispensam introduções. No entanto, além de aumentar consideravelmente o risco de câncer e doenças respiratórias, esse hábito leva também ao envelhecimento precoce, sendo um dos principais causadores de manchas e rugas profundas em fumantes.

Se você ainda não conseguiu abandonar o vício, saiba que a prática regular de atividades físicas e uma alimentação equilibrada podem ajudar — e muito — a reduzir a vontade de fumar, aumentando sua saúde e bem-estar.

O consumo de álcool é outro hábito prejudicial não só para a sua saúde, mas também para a sua beleza. Além de contribuir para o aumento de peso e causar a desidratação do corpo, esse tipo de bebida dilata os vasos sanguíneos e prejudica a absorção de vitaminas do complexo B e da vitamina A, essencial para a renovação celular.

O resultado disso é uma pele seca, inchada, com vasinhos aparentes e aspecto cansado. Isso significa que é fundamental evitar o consumo de bebidas alcoólicas.

Não praticar atividades físicas

Quando o corpo se habitua a não praticar exercícios, tende a apresentar músculos e ossos mais frágeis, além de pouca disposição física e mental.

A prática regular de atividades físicas traz inúmeros benefícios para sua saúde, beleza e bem-estar, contribuindo para a redução do estresse e da ansiedade. Dessa forma, você terá uma melhor qualidade do sono, redução do risco de doenças crônicas, além do controle do peso e aumento da flexibilidade, mobilidade das articulações e tonificação muscular.

Ioga, natação, musculação, artes marciais, pilates ou até mesmo artes circenses: você escolhe! O ideal é eleger algo que você sinta prazer em praticar e procurar fazê-la ao menos duas vezes por semana.

Se você não tem muito tempo para os exercícios, procure inseri-los nas suas atividades cotidianas. Que tal ir ou voltar a pé do trabalho em alguns dias da semana? Meia hora de caminhada já pode fazer uma diferença e tanto na sua qualidade de vida. A bicicleta é outra excelente alternativa: você se exercita e, ainda por cima, contribui com o meio ambiente!

Cuidados com a pele: o que fazer e o que evitar?

Uma pele bonita e bem cuidada exala saúde e bem-estar — e, de fato, ela reflete os bons hábitos e uma alimentação saudável. Além disso, devemos tomar alguns cuidados diários para limpar, tonificar e hidratá-la, facilitando a renovação das células, prevenindo rugas e manchas, e evitando o excesso de oleosidade ou de ressecamento.

Confira a seguir alguns desses cuidados e saiba também o que evitar para ter uma pele perfeita!

Beber mais água

Para manter uma pele bonita, cuidar da hidratação é uma prioridade. No entanto, muitas pessoas lembram-se apenas da reposição externa, com o uso de dermocosméticos, e se esquecem do principal: a ingestão de água.

Além de ajudar no bom funcionamento de todo seu organismo, prevenindo doenças e melhorando o aproveitamento de vitaminas e sais minerais, o simples ato de tomar mais líquido ao longo do dia pode fazer milagres pela sua aparência.

Ingerir, em média, dois litros de água diariamente reduz olheiras, ameniza rugas, diminui inchaços, controla a celulite e previne o envelhecimento precoce, sendo o principal hidratante de nosso corpo — que, afinal de contas, é composto por mais de 70% desse líquido!

Tirar a maquiagem antes de dormir

Dormir de maquiagem pode ser extremamente prejudicial para sua pele, provocando o entupimento dos poros e o surgimento de cravos e espinhas. No caso do rímel, então, o estrago pode ser ainda maior, causando fragilidade dos cílios, além de alergias e irritações.

Chegou da balada e está morrendo de preguiça de tirar esse cosmético? Um algodão com um pouco de óleo de coco resolve o problema. Além de ser um hidratante natural e auxiliar no combate à acne, esse óleo vegetal é um excelente demaquilante.

Seja qual for a sua opção, lembre-se de que lavar o rosto só com sabonete não basta para remover a maquiagem — e pode até mesmo aumentar dermatites e acnes.

Lavar, tonificar e hidratar

Sua rotina diária de cuidados com a cútis deve contemplar essas três etapas. A limpeza precisa ser feita com sabonete adequado para o seu tipo de pele, dando preferência a opções produzidas sem sulfatos nem parabenos. Produtos de argila são ótimas pedidas para casos mais sensíveis.

Tonificar a pele ajuda na limpeza e hidratação, além de equilibrar o pH. Nessa etapa, vale apostar em chás de menta (próprios para peles oleosas), camomila, hortelã, chá-verde e águas termais. Essas bebidas podem ser guardadas por até 4 dias na geladeira.

Os óleos vegetais são os mais adequados para a hidratação, mas, na hora de escolher, é fundamental seguir a necessidade da sua pele.

O óleo de coco é um ótimo hidratante para todos os casos, combatendo também a acne causada por bactérias; o de jojoba também oferece tratamento contra acnes, sendo o mais indicado para cútis oleosas; o de abacate é extremamente hidratante, ideal para a prevenção de rugas, enquanto de amêndoas é emoliente e recomendado para peles sensíveis.

Esfoliar periodicamente

Especialmente após os 25 anos, a pele precisa de uma mãozinha para renovar mais rapidamente as células mortas. Uma boa esfoliação semanal ou quinzenal deixa a cútis sempre macia, com o tecido mais jovem e preparada para a aplicação de óleos hidratantes.

Na hora de esfoliar, fique atenta ao seu tipo de pele e tome cuidado para não esfoliar rosto e corpo com o mesmo esfoliante: a pele de cada região tem necessidades diferentes.

A pele do rosto é mais delicada e, geralmente, pede um esfoliante menos oleoso que o do corpo. Especialmente para áreas mais secas, como joelhos, pés e cotovelos, é recomendável utilizar um produto mais potente e hidratante.

Uma boa opção para peles oleosas são os itens de açúcar mascavo (duas colheres de chá), limão (uma colher de chá) e uma gotinha de óleo de coco; já as cútis sensíveis ou secas podem se beneficiar de uma versão com mel e aveia em flocos finos.

Para a esfoliação corporal, você pode apostar em artigos de óleo de amêndoas e açúcar ou uma bucha vegetal. Na hora de esfoliar, faça movimentos leves e circulares, evitando agredir a pele — e lembre-se de nunca fazer esse processo após a depilação!

Estimular a produção de colágeno

O colágeno é uma proteína fundamental para manter a elasticidade e garantir a sustentação da pele. No entanto, à medida que o tempo passa, nosso corpo começa a reduzir sua produção, por isso é tão importante começar a estimulá-la. Como fazer isso? Consumindo os alimentos certos, ricos em vitaminas C, E, B6 e B12, além de cobre, silício e zinco.

Anote a listinha de compras que vai turbinar sua produção dessa substância: frutas cítricas, frutas vermelhas, aveia, leguminosas, abacate, cereja, uvas, folhas verde-escuras, ovos e peixes.

Não tomar banhos muito quentes

Resista à tentação de tomar banhos muito quentes em dias mais frios. A água aquecida tira a proteção natural da pele, deixando-a mais sensível e ressecada.

As duchas frias, por outro lado, trazem muitos benefícios para a cútis e o cabelo, fechando os poros cutâneos e a cutícula dos fios — além de promover o relaxamento muscular. O resultado é uma cútis mais firme e uniforme e cabelos mais brilhantes e sedosos.

Se a água gelada não faz o seu gênero, procure tomar banhos mornos mais curtos, sem exageros. Assim, você evita o desperdício enquanto toma cuidados com a beleza.

Como a natureza pode te ajudar a ficar mais bonita?

Você já viu que, com a alimentação adequada e o uso de alternativas naturais para os seus cuidados com a pele, é possível turbinar a sua beleza. A seguir, conheça outras fontes de nutrientes, vitaminas e antioxidantes que não podem faltar no seu dia a dia.

Babosa

A babosa, ou aloe vera, é um poderoso hidratante, rica em vitaminas A, C, E e do complexo B. Além de ser um anti-inflamatório natural, a planta também trata rugas e acelera a cicatrização da pele, podendo ser usada também nos cabelos.

Para utilizá-la no rosto, aplique a seiva sobre a pele limpa, deixando agir por cerca de meia hora.

Chá-verde

Além de ser um excelente tônico adstringente, o chá-verde gelado pode também ser utilizado em compressas de algodão para combater olheiras e no tratamento de cravos e espinhas. Por ser rico em antioxidantes, sua ingestão retarda o envelhecimento celular, previne doenças e protege as células do organismo.

Abacate

Ingrediente indispensável em máscaras faciais hidratantes, o consumo deste alimento rico em vitamina E também pode fazer maravilhas pela sua pele, retardando o envelhecimento, hidratando profundamente, reduzindo olheiras, renovando células mortas e tratando estrias.

Linhaça

Rica em fibras, boas gorduras e agentes antioxidantes, a linhaça é um ótimo tratamento para a renovação celular e hidratação da cútis, além de ser fonte de ômega 3 e 6 — aliados nos cuidados estéticos.

Seu consumo regular é ideal para a pele seca e no combate às marcas de expressão. Por isso, procure adicionar o óleo ou a farinha de linhaça às suas preparações!

Argila

Você provavelmente já ouviu falar dos muitos benefícios da argila para a beleza. Esse componente mineral rico em silício absorve toxinas, promove a renovação celular, elimina bactérias, controla a oleosidade, entre tantas outras maravilhas.

Por isso, escolha a argila adequada para seu tipo de rosto: verde para peles oleosas, branca para as desidratadas e vermelha para as sensíveis.

Pepino

Por ser um alimento diurético, assim como a chicória, o pepino é um grande aliado no combate ao inchaço. Além do seu consumo, as máscaras desse vegetal gelado (batido no liquidificador) acalmam a pele e têm ação cicatrizante.

Cenoura

Rica em betacaroteno e antioxidantes, a cenoura é um alimento que combate os sinais do envelhecimento precoce e protege a pele contra os raios UV — ou seja, não pode faltar no seu cardápio.

Borra de café

Nova queridinha das receitas caseiras de beleza, a borra de café ativa a circulação, melhora a renovação celular e estimula a produção de colágeno, combatendo estrias, olheiras e celulite.

Para utilizar, faça uma mistura da borra com um pouco de óleo de coco ou de amêndoas e massageie a área durante o banho. Quando misturada com um pouco de água, também pode ser usada para estimular o crescimento dos fios.

Beleza e estresse combinam?

Já falamos por aqui sobre alguns efeitos do cortisol, hormônio relacionado ao estresse — então, você já sabe bem a resposta para essa pergunta, certo? Nervosismo e beleza não combinam de jeito nenhum!

O cortisol é um hormônio indispensável à vida, mas os níveis elevados provocados pela privação do sono e adrenalina excessiva são grandes inimigos não só da sua saúde, mas também da sua aparência.

O estresse provoca alterações hormonais no organismo e na produção de colágeno, fazendo com que haja mais destruição do que produção de células da pele e levando-a à desidratação. Inchaço, cansaço, dores musculares e intestino preso são outros sintomas do excesso de cortisol que prejudicam o seu bem-estar e a sua beleza.

Esses efeitos estão também diretamente relacionados ao aumento de radicais livres. Em circunstâncias normais, nosso corpo é capaz de combatê-los, mas, com o aumento da produção desses inimigos da cútis, o organismo sob estresse perde a batalha.

Simulando uma situação de risco, o corpo prioriza órgãos, como pulmão e coração, disponibilizando menos oxigênio e nutrientes para a pele.

Uma cútis seca, flácida, com rugas precoces, manchas e sem brilho é o resultado direto dessa tensão — e isso sem falar nas olheiras, consequência do aumento de adrenalina no organismo, que compromete a circulação sanguínea.

Os efeitos nocivos do estresse para sua beleza também são sentidos nos cabelos. Ainda que seja natural a queda diária de alguns fios, ela se torna exagerada em momentos de ansiedade ou de cansaço acumulado, deixando grandes quantidades de fios nos travesseiros ou no ralo do banheiro, por exemplo. O excesso de oleosidade no couro cabeludo, acompanhada pelo surgimento de caspa e coceira, é outra consequência disso.

E a oleosidade não afeta apenas os cabelos: ela também chega à pele. Segundo estudos da Universidade de Nantes, o estresse é um dos principais causadores de acne na idade adulta. Por isso, se você está sofrendo desse mal após a adolescência, esse pode ser mais um sinal que seu corpo está enviando para desacelerar e relaxar.

Quer saber como? Agora que você já conhece os efeitos prejudiciais de estresse para sua beleza, confira algumas dicas para preveni-lo e combatê-lo.

Aumente o consumo de magnésio

Alimentos ricos em magnésio são capazes de auxiliar no alívio do estresse e no relaxamento muscular. Procure inserir no seu dia a dia mais castanhas, nozes, sementes de abóbora e trigo, e substitua o arroz branco pelo integral em todas as refeições.

Consuma chás relaxantes e evite a cafeína

Se você está sob estresse, deixe de lado a cafeína: é hora de desintoxicar. Ao passar dos dias, seu corpo vai se adaptar e você deixará de sentir sono sem aquele cafezinho. Chás de maracujá, camomila e valeriana são as melhores alternativas, especialmente à noite.

Pratique meditação

A meditação é uma poderosa aliada contra o estresse, trazendo benefícios permanentes para seu corpo e mente. Esqueça a ideia de que apenas algumas pessoas são capazes de meditar! Sente-se em uma posição confortável, concentre-se em sua respiração ou outro foco de sua escolha e procure observar seus pensamentos como um mero espectador, deixando-os passar.

Praticar de cinco a dez minutos por dia pode fazer uma grande diferença na sua vida e se torna cada vez mais fácil e prazeroso.

Aliar saúde e bem-estar aos muitos benefícios que a natureza pode proporcionar é a sua melhor receita estética. Manter seu corpo ativo, hidratado e com todos os nutrientes necessários para o seu bom funcionamento é o principal caminho para ter uma pele firme e radiante, cabelos brilhantes e unhas fortes.

Com a prática regular de exercícios físicos, o consumo de alimentos funcionais e o uso de máscaras naturais, óleos, chás e argilas, a sua rotina de cuidados com a beleza pode dizer adeus às toxinas!

Gostou do nosso conteúdo? Quer saber mais sobre os principais combustíveis de que o seu corpo precisa? Então, confira agora mesmo o nosso incrível guia dos nutrientes essenciais!

Últimas Notícias

beleza