O segredo da juventude de Luiza Brunet

Quem é rainha nunca perde a majestade. No caso de Luiza Brunet, o ditado é mais do que verdadeiro. No domingo de carnaval, a Marquês de Sapucaí parou para ver a musa voltar à avenida depois de quatro anos de pausa. Luiza Brunet sambou no pé e encantou o público que assistia ao desfile da Imperatriz Leopoldinense. A beleza da modelo de 54 anos foi, mais uma vez, um dos destaques da noite e despertou a curiosidade de muitos. Afinal de contas, qual o segredo da longevidade de Luiza?

“Sou bastante disciplinada. Uma coisa interessante e que quase ninguém sabe é que eu praticamente só me alimento em casa. Cozinho nos fins de semana. Quando saio para jantar, basicamente vou para fazer social. Peço uma salada, às vezes eu peço só uma sobremesa”, diz a modelo.

Além de evitar comer fora todos os dias, Luiza Brunet cuida da alimentação. Não belisca nem tem o costume de fazer mais de três refeições por dia. São, no máximo, quatro, e sempre balanceadas – mas sem contar calorias. No dia em que concedeu a entrevista ao Vida & Bem-Estar, por exemplo, o almoço de Luiza foi farto. No prato tinha vagem, berinjela, abóbora, batata doce, quinoa e peito de frango. Grelhado, é claro.

Não como carne vermelha, doces, nem bebo leite. Adoço meu café com açúcar natural. Como feijão de todos os tipos. Mas o que não falta no meu cardápio diariamente é a laranja. Como todos os dias, com bagaço e tudo”, brinca.

A modelo ressalta que tem hábitos diurnos: dorme cedo, por volta das 22h, e acorda às 7h. No jantar, come pouco, “para não ficar com o estômago pesado”, explica. Além disso, Luiza pratica atividades físicas todos os dias: uma hora e meia de exercícios que combinam aeróbico com musculação.

 “Também fiz pilates por seis anos. Parei, mas vou voltar. Além de ser prazeroso, dá flexibilidade, força, alongamento e reforça a musculatura abdominal. Acho que a combinação perfeita para ter um corpo bonito é conseguir misturar pilates, exercícios aeróbicos e musculação”, garante.

 

“Minha genética me favorece”

 

Sangue indígena, de mulher forte e guerreira. É dessa forma que Luiza Brunet explica sua genética, e se diz privilegiada pela mistura brasileira de seu DNA. “Meu pai é do Ceará, minha mãe é do estado do Rio, tenho parentes amazonenses. Sei que tenho vantagens físicas, e, por ser reconhecida como um símbolo da beleza brasileira, eu tento fazer jus ao título. Cuido da alimentação, do corpo, do cabelo”, diz.

Duas semanas antes de desfilar, Luiza ficou hospedada por sete dias em um spa, o Rituaali, que fica em Penedo. Segundo ela, foi lá que, conversando com os médicos, teve a segurança de que está no caminho certo sobre o que diz respeito ao seu estilo de vida.

“Fiquei muito surpresa, porque toda a filosofia do spa vai ao encontro dos meus hábitos alimentares. Vou dar um exemplo: antes de praticar atividades físicas, bebo apenas uma água de coco, para não me atrapalhar. E depois do exercício eu tomo um café da manhã bem farto, com frutas e pão integral. Os médicos me explicaram que esse é mesmo o correto a se fazer. Saí de lá feliz e segura”, disse.

A modelo ressaltou que foi no centro de saúde que aprendeu a comer devagar e mastigar bem, sem ansiedade. E teve a certeza de que, para estar bem, é preciso cuidar de si de dentro pra fora.

“A mulher precisa se olhar no espelho e ter motivação para se cuidar. Se você tem bons hábitos, você vive mais e melhor, esse é o verdadeiro segredo da longevidade. Sempre digo que temos que nos cuidar de dentro pra fora, não de fora pra dentro. Quem diria que uma mulher de quase 55 anos poderia estar andando por aí de alcinhas? Pois eu estou”, comemora.

Luiza Brunet conta seus hábitos saudáveis

As 8 dicas de ouro de Luiza Brunet:

  1. “Eu, normalmente, acordo, tomo  suco verde ou água de coco, faço minha caminhada e, só depois, faço o meu café da manhã”.
  2. “Durante o café da manhã, não tomo leite. Como uma ou duas frutas, um pão sem glúten e mingau de aveia”.
  3. “Gosto de comer grãos de diferentes tipos. E sempre prefiro alimentos grelhados”.
  4. “Sou uma pessoa de hábitos diurnos: durmo cedo, no máximo 23h. Costumo jantar às 19h para dormir leve, sem estar com o estômago sobrecarregado. E gosto de acordar cedo também”.
  5.  “Eu amo laranja, como todos os dias – como com bagaço e tudo. Também adoro berinjela e todos os tipos de feijão”.
  6. “Eu praticamente só me alimento em casa. Cozinho nos fins de semana”.
  7. “Acho que a combinação perfeita para ter um corpo bonito é conseguir misturar pilates, exercícios aeróbicos e musculação”.
  8. “A atividade física precisa ser prazerosa para quem faz, para que ela se torne um hábito. E aí, não existe sábado, domingo e feriado. Você vai fazer todos os dias porque faz parte da rotina”.

Últimas Notícias

beleza