7 cuidados com a postura para acabar com as dores nas costas

É difícil passar um dia sem reclamar de dores nas costas, né? Nos dias de hoje, homens, mulheres e crianças acabam, por conta da rotina, sendo expostos a uma série de situações que não são adequadas para o corpo humano. Trabalhos que exigem muito tempo sentado ou em pé, cadeiras e sapatos desconfortáveis e uma série de problemas que podem trazer efeitos futuros. Mas, diminuir o incômodo não é tão difícil assim, viu? Ficar de olho na postura é uma das melhores saídas para acabar com as dores diárias. Abaixo, confira alguns cuidados essenciais para cuidar dessa parte tão sensível do nosso corpo.

1. Mantenha a coluna ereta

O primeiro, e, talvez, o mais importante dos cuidados com a postura que você deve ter para acabar com as dores, é manter a coluna ereta. Não fazer isso, sobretudo em longo prazo, pode prejudicar a sua saúde e a sua qualidade de vida, ocasionando incômodos na região lombar e cervical, além de aumentar o risco de lesões.

O ideal é deixar as pernas um pouco afastadas, sem cruzá-las e com os pés bem-apoiados no chão. As costas devem estar retificadas, mas sem perder as curvaturas normais da coluna: a lordose natural deve persistir e, quando observados lateralmente, devemos ter o suave formato de um “S”.

Os ombros devem ficar levemente para trás, com os braços pendidos ao longo do corpo, ou, dependendo da atividade realizada, os antebraços devem estar apoiados na mesa ou na escrivaninha. Procure também não abaixar sua cabeça para ler ou para escrever e, se preciso, erga a tela com a ajuda de um suporte.

2. Fortaleça a musculatura da região

Se você não frequenta uma academia de ginástica ou realiza algum tipo de treinamento de força, chegou a hora de investir em uma bela mudança de hábitos. Os médicos e demais especialistas estão cada vez mais convencidos de que esse é o tipo de exercício mais indicado, em qualquer idade, para manter a saúde.

Em grande parte, isso se deve à manutenção ou ao aumento da massa muscular magra, que é um tecido nobre e tem uma função protetora no corpo humano. Inclusive, quando temos o abdome e a lombar fortes, ficamos mais aptos a evitar as posturas erradas do dia a dia e a nos posicionarmos de modo correto enquanto estivermos sentados.

3. Ajeite-se na hora de dormir

Mesmo que você não sofra muito com dores na coluna, é bem provável que, algumas vezes, já tenha acordado com algum incômodo na região ou com o famoso torcicolo. Isso acontece porque você pode ter passado horas com um posicionamento inadequado, forçando algumas estruturas.

A melhor maneira de dormir de lado é com um travesseiro entre as pernas. O colchão também deve ter uma boa densidade e não se esqueça de comprar apenas produtos de marcas reconhecidas pelo INMETRO. Outra opção para variar é dormir de barriga para cima, com um travesseiro posicionado abaixo dos joelhos.

4. Evite bolsas e mochilas pesadas

Não é novidade para ninguém que o excesso de carga é um dos grandes inimigos de uma coluna saudável, correto? Por isso, um dos cuidados com a postura que você deve ter para acabar com as dores é não carregar bolsas e mochilas pesadas. Quando for para o trabalho ou para o seu local de estudos, certifique-se de levar apenas o essencial entre os materiais, separando apenas o que você precisa utilizar de acordo com as atividades daquele dia. Se peso elevado for inevitável, opte por um modelo que tenha uma alça central e rodinhas.

5. Realize atividades específicas

Existem algumas atividades específicas, além da musculação e do treinamento com pesos, que podem ajudar bastante a manter uma saúde mais equilibrada e a desacelerar o envelhecimento. Um bom massoterapeuta, por exemplo, pode fazer com que as tensões e dores na região lombar diminuam consideravelmente.

Outra excelente alternativa para quem sobre com problemas na coluna é apostar em aulas de pilates. Essas opções trazem mais consciência corporal, flexibilidade e relaxamento. Entretanto, uma avaliação médica é sempre recomendável antes de começar qualquer exercício.

6. Aposte nos alongamentos constantes

Existem alguns tipos de alongamentos que você pode fazer sem sair de casa ou até mesmo sentado em sua própria mesa de trabalho. Muitas vezes, um simples alongamento nas panturrilhas, um giro de braços ou até mesmo uma pequena caminhada pelo corredor já trará um tremendo alívio para o seu corpo.

7. Considere um período de descanso

Por fim, outro cuidado com a postura que você deve ter para acabar com as dores consiste em simplesmente aceitar que não é de ferro e se proporcionar um período de descanso. O melhor disso tudo é que, atualmente, você encontra espaços destinados para isso, com profissionais que podem contribuir para o seu bem-estar.

É possível, por exemplo, fazer um programa detox, marcar uma massagem ou simplesmente fazer uma pausa na rotina e se deliciar com uma alimentação saudável e balanceada. Você pode ficar hospedado em um estabelecimento do gênero, aprendendo como levar uma vida mais saudável e proveitosa para aumentar a longevidade.

Ao seguir esses cuidados com a postura, você pode minimizar o seu incômodo e melhor a qualidade de vida, mesmo sem ter que fazer grandes alterações na rotina.

Gostou deste post? Quer conhecer um ambiente perfeito para que você curta um período incrível de detox? Então entre em contato conosco e conheça o nosso espaço!

Você também pode se interessar por:

Problemas para dormir? 5 jeitos de acabar com essa situação

 

Dor aguda e dor crônica: qual a diferença e como tratar?

Burnout: conheça a síndrome do esgotamento no trabalho

 

Últimas Notícias

Bem-Estar