Qualidade de vida para pessoas ocupadas: 6 dicas para ter mais tempo

Há várias formas de buscar qualidade de vida para pessoas ocupadas, mas antes é necessário saber o que está causando a falta de tempo. Você passa grande parte do seu dia envolvido em várias tarefas simultaneamente e sente que nada tem um resultado bom? Ou está sem tempo porque seu dia a dia está todo preenchido com compromissos produtivos?

Estar sempre ocupado é diferente de não ter tempo! É preciso determinar suas prioridades, pois isso vai definir a sua qualidade de vida. É preciso se divertir, ter hobbies e cuidar da saúde.

O post a seguir ajudará você a ter uma melhor gestão do seu dia, encontrando mais brechas no tempo para adotar novos hábitos e atividades que tragam, além de saúde física, bem-estar mental. Continue a leitura e confira!

1. Programe as tarefas para o dia seguinte

A organização é uma das maneiras mais eficientes de fazer com que um dia renda mais. Se você programar exatamente o que fará amanhã, são maiores as chances de conseguir encaixar mais atividades na sua rotina.

Sendo assim, defina sempre o que vai fazer no próximo dia, dividindo cada uma das suas tarefas e responsabilidades dentro dos períodos. Você pode fazer isso como preferir: no computador, em um pedaço de papel ou usando a agenda do seu smartphone, o que deixa tudo mais prático.

Tão importante quanto programar é cumprir! Certifique-se de que você não colocou na sua agenda atividades demais. Comece fazendo um planejamento mais modesto e, conforme for se adaptando, inclua mais coisas que deseja fazer. Mas lembre-se sempre de reservar tempo para descansar!

2. Adote hobbies para a sua vida

Rotinas estressantes, compromissos profissionais, acadêmicos e familiares e uma série de outras ocupações — tudo isso acaba sobrecarregando até mesmo o mais bem-disposto. A qualidade de vida para pessoas ocupadas está muito ligada à maneira como ela encara isso tudo. Se não houver momentos de felicidade, satisfação e menor pressão, é difícil encarar.

Os hobbies são capazes de renovar as energias, trazendo muita satisfação, diversão e prazer em momentos avulsos do cotidiano. Portanto, é altamente recomendável que se busque sempre algo pelo qual o comprometimento seja constante, mas que seja livre de maiores responsabilidades e, principalmente, traga prazer e felicidade.

Ler, praticar esportes, viajar, sair com amigos: tudo isso e outras atividades podem ser consideradas hobbies, desde que te tragam satisfação pessoal e te ajudem a se desligar de outros compromissos que exijam muito psicologicamente. Pense bem em algo e adote um hábito relacionado a ele, encaixando na sua programação e realizando com muito amor!

3. Programe as suas férias

Algumas pessoas acreditam que falta tempo até mesmo para as férias! Cargos de confiança e de alta responsabilidade acabam despertando o sentimento de que, caso passe um tempo fora, quando retornar ao trabalho tudo estará de pernas para o ar. Essa não é uma verdade e isso colabora para que profissionais estejam cada vez mais em altos níveis de stress, algo que compromete até mesmo a saúde.

As férias são imprescindíveis para que sua mente e corpo tenham um tempo para se desligar de tudo e você poderá perceber como elas são realmente positivas quando retornar ao trabalho. Mas esse é um pensamento só para depois, já que durante o período em off você deve, de fato, esquecer os compromissos.

Programe as suas férias e cumpra com o planejado! Ao sair, foque somente na diversão, no descanso e em relaxar. Entenda que esse período te fará muito bem e pensar na saúde mental é fundamental para não perder o controle das coisas. Viaje para onde quiser, descanse e, principalmente, divirta-se!

4. Acorde cedo sempre que puder

Ouvimos muito as pessoas dizerem que gostariam que o dia tivesse mais que 24 horas apenas, não é mesmo? Aproveitá-lo por completo é difícil, pois existem os compromissos obrigatórios e também o cansaço, que é uma necessidade do nosso corpo. Mas e se você puder sempre fazer o máximo para ter mais tempo disponível para as suas atividades? Simples, basta acordar mais cedo!

Às vezes, a vontade de dormir mais uma ou duas horas acaba seduzindo, o que é bem plausível, pois as rotinas resultam naturalmente no cansaço. Entretanto, já parou para pensar o que você pode fazer nessas horas? Em muitas ocasiões essa vontade de dormir até tarde também é ocasionada por um sono pouco adequado. Então, durma mais cedo para poder dormir melhor.

Procure sempre estabelecer um horário apropriado para se deitar — por volta das 22h é o ideal. Faça sua programação sempre em cima disso! Como consequência positiva haverá uma maior disposição para acordar cedo no dia seguinte, assim será possível usar essas horas da manhã da maneira como você quiser!

Lembre-se também que a prática de exercícios é ótima para o corpo e para o cérebro, que trabalha melhor. Ou seja, esse é um bom momento para inserir alguma atividade física! O estímulo físico também ajuda na produção de hormônios fundamentais para incentivar o sono e o relaxamento, evitando a insônia.

5. Livre-se do hábito da procrastinação e de distrações

Algumas atividades acabam desanimando — e uma reação natural do nosso cérebro é adiar o máximo possível a sua realização. As distrações do mundo moderno também atrasam os compromissos do cotidiano. O resultado desses dois fenômenos é um dia pouco produtivo e a sensação de que foi curto demais, mas, na verdade, a culpa foi totalmente nossa.

A procrastinação acontece toda vez que demoramos a realizar alguma tarefa ou atividade que temos que fazer. Isso acontece por preguiça, falta de disposição ou simplesmente como uma espécie de autodefesa, por sabermos que será algo complicado. Entretanto, esse hábito é extremamente nocivo para a produtividade.

De certo modo a procrastinação está ligada à distração. Vários fatores ao nosso redor podem causar a falta de concentração e atualmente as redes sociais são grandes inimigas da produtividade. Os smartphones têm colaborado muito para isso, então é bom estar sempre atento à relação que se tem com eles.

6. Evite fazer tudo sozinho

É comum para algumas pessoas querer concentrar muitas responsabilidades sob a ideia de que só assim tudo será cumprido da maneira adequada. Seja no trabalho, seja em casa, essa sensação é bastante comum. Entretanto, resulta diretamente no cansaço excessivo e na falta de tempo para a realização de outras tarefas e atividades.

Busque sempre manter o equilíbrio, delegando responsabilidades e permitindo que as pessoas dividam as demandas com você. No trabalho, ainda que você ocupe um cargo de gestão ou liderança, entenda que é necessário dividir responsabilidades, pois isso também ajudará na sua produtividade.

Em casa, divida as tarefas com as outras pessoas, como sua esposa ou marido. Assim é possível cuidar dos filhos e de outras responsabilidades comuns à vida familiar e pessoal.

A qualidade de vida para pessoas ocupadas está diretamente relacionada com adotar hábitos saudáveis, que ajudam a gerir melhor o tempo e conduzir todos os compromissos da melhor forma.

Gostou do conteúdo? Curta nossa página no Facebook e fique por dentro de mais posts com essa temática!

Últimas Notícias

Bem-Estar