6 técnicas de relaxamento mental para desacelerar em um dia corrido

Rotinas aceleradas, agendas cheias e jornadas duplas são situações cada vez mais comuns na sociedade moderna. Tanto esforço e dedicação têm um preço, que é cobrado por meio de questões como o estresse e ansiedade. Em meio a isso, as técnicas de relaxamento mental aparecem como soluções eficientes.

Poder desacelerar, se acalmar e sentir o corpo em ritmo de descanso é fundamental para manter a saúde em dia, e há diversas técnicas e hábitos capazes de ajudar nessa missão. Que tal conhecermos os principais?

Este post vai mostrar, por meio de seis dicas, como você pode relaxar após um dia estressante e cansativo. Confira!

1. Pratique técnicas de respiração

A respiração é base de tudo que na vida. Por mais que pareça uma prática simples demais para qualquer outra função além de nos manter vivos, esse ato é capaz de acalmar de uma maneira muito natural e eficiente.

Para que os efeitos colhidos sejam os melhores, o ideal é fazer a respiração abdominal, já que ela é a que mais capacita o corpo a absorver o oxigênio. Assim, se reduz o ritmo dos batimentos cardíacos, diminuindo também a adrenalina e proporcionando uma sensação de calma progressiva.

A técnica é bem simples e foca em fazer com que o movimento do abdômen seja a força de captação do ar, ao invés de usar a região do tórax. Para atestar a realização correta do exercício abdominal, coloque a mão sobre o estômago e sinta essa área descer na hora de respirar, em uma ação prolongada.

Em seguida, inspire soltando lentamente, sentindo todo o abdômen relaxar e subir. Faça o movimento de modo repetido e perceba a desaceleração chegando ao seu corpo, resultando em relaxamento profundo.

2. Faça uma avaliação corporal ao fim do dia

A avaliação corporal é uma das técnicas de relaxamento mental que requerem os mais altos níveis de concentração. Em contrapartida, trazem resultados incríveis, especialmente na identificação das reações do corpo ao cansaço.

As dores são consequências comuns dos dias estressantes e muitas vezes causam confusão, transmitindo uma sensação de que outras partes do corpo estão doendo. Essa avaliação corporal ajuda no entendimento de onde realmente há uma sensação mais forte.

Nesse exercício, você precisa estar relaxado, concentrado e deitado, de preferência. Comece a direcionar sua atenção para cada parte do seu corpo, dos pés até a cabeça, uma área de cada vez, respirando profunda e lentamente. Dê foco em áreas de maior incômodo: costas, pescoço, ombros e pés, por exemplo.

Nas áreas em que a dor está mais forte, pare por um tempo maior e respire profundamente, tentando canalizar toda sua concentração nessa área, como se sua respiração estivesse sendo direcionada para o local. Esse exercício ajuda a relaxar consideravelmente, reduzindo a sensação de cansaço e de incômodos excessivos.

3. Realize uma automassagem

A massagem é uma das técnicas fundamentais para aliviar a tensão e reduzir as dores nos músculos e nas costas. Você mesmo pode se ajudar com essa prática, realizando-a não só após o expediente, mas também nos intervalos de tarefas, para aliviar o estresse e a tensão diárias.

O ideal é que você utilize um óleo natural durante essa massagem, que deve focar nos músculos, desempenhando movimentos circulares, sempre pressionando as áreas com as pontas dos dedos. Dê preferência a locais como a palma das mãos, a nuca, os ombros e atrás das orelhas.

Ao fim do dia, as dores musculares são mais sentidas, já que naturalmente se desacelera. Você pode dar um foco especial nesses pontos, massageando por mais tempo e com maior calma e dedicação.

4. Ouça uma playlist de músicas calmas

Fugindo um pouco das propriamente ditas técnicas de relaxamento mental, alguns hábitos têm exatamente o mesmo efeito. A música é um calmante natural, dependendo apenas das escolhas que você faz. Melodias calmas e tons mais suaves tendem a ser uma ótima trilha sonora para relaxar após um longo dia.

Você pode usar essas canções praticamente durante todo o dia, nos seus fones de ouvidos ou até mesmo por meio de um som ambiente. Quando chegar em casa, elas são capazes de embalar os momentos em que você toma um banho, faz uma refeição, realiza sua automassagem e, enfim, se deita.

As escolhas são por sua conta, mas é bom optar por músicas mais calmas, sem muito mistério. As plataformas de streaming já contam com playlists desse perfil, voltadas para desacelerar. Recentemente, um grupo de neurocientistas desenvolveu uma seleção de canções voltadas para reduzir a ansiedade. Vale a pena conferir também!

5. Tome um banho relaxante ao chegar em casa

Relaxar naturalmente também é uma ótima opção, principalmente se isso puder ser feito em um momento muito comum do cotidiano: o banho. Essa é a hora do dia em que você pode aproveitar a água em temperatura morna e a sensação de tirar todas as impurezas do corpo para também acalmar a mente e aliviar a tensão muscular.

O mais indicado consiste em dedicar um tempo maior para o banho, para que assim ele seja de fato uma das técnicas de relaxamento mental e corporal. A banheira pode ser uma ótima opção, e os sais de banho ajudam a criar um clima de maior bem-estar, já que a aromaterapia figura como ótimo recurso no combater ao estresse e a ansiedade.

Sabe aquela playlist que você já está planejando? É uma boa hora de deixar ela tocando. Passe um tempo se dedicando ao banho e nada mais!

6. Fuja da rotina e esteja com quem você gosta

A vida social de quem tem uma rotina apertada tem tudo para não ser a mais adequada possível, e isso tem justificativa. Quase não sobra tempo, e estar com amigos e familiares vira algo que só acontece como consequência, e não de forma planejada. Apesar de não integrar as técnicas de relaxamento mental tradicionais, essa é uma prática essencial para o bem-estar humano.

Escape da rotina pelo menos uma vez na semana, encontrando amigos, familiares e pessoas que você gosta. As possibilidades são variadas, de cinema a restaurante, desde que seja um momento de muita descontração e diversão, esquecendo de tudo que causa anseios e estresse.

Os happy hours são ótimas oportunidades de socializar com as pessoas do trabalho, mas cuidado com os assuntos. Fuja de programas em que as pessoas só falam de trabalho e da empresa! A intenção é justamente esquecer tudo e só descontrair.

As técnicas de relaxamento mental são fundamentais para manter a saúde em dia, também trazendo alívio para o corpo. Ter sucesso na carreira profissional é o que todos buscam, mas isso não pode trazer doenças como consequência, e o estresse e a ansiedade podem ser muito prejudiciais.

Seu dia a dia pode mudar com essas dicas de técnicas de relaxamento mental. Então, que tal ajudar outras pessoas que também precisam relaxar o corpo e a mente? Compartilhe o texto nas redes sociais!

Últimas Notícias

Bem-Estar