5 razões para parar de tomar café hoje mesmo

Você tem sentido dores de cabeça e irritabilidade durante o dia? Estes sintomas podem estar ligados ao consumo exagerado de café. Figurando na lista de bebidas preferidas do brasileiro, o café não é tão inocente quanto parece. Pelo contrário, pode causar sérios danos à saúde humana. Diante disso, parar de tomar café, substituindo-o por opções mais saudáveis, é a melhor alternativa para preservar o bom funcionamento do seu organismo.

Ter dificuldades para dormir é apenas uma das consequência causadas pela cafeína. O excesso de café pode ocasionar problemas graves, como confusão mental, nervosismo, dificuldade para a realização de tarefas intelectuais, tremores musculares, danificação do refluxo gástrico, entre outros males.

Já notou esses sintomas no seu corpo? Então, está na hora de parar de tomar café imediatamente. Confira, abaixo, quais são as vantagens de substitui-lo no seu dia a dia!

 Quais são as vantagens de parar de tomar café?

Mais calma e paciência

O café estimula o fluxo de hormônios que causam estresse, irritabilidade, ansiedade, insônia e tensão muscular. Já os chás, principalmente os que são feitos de alecrim, camomila, melissa e passiflora, têm propriedades calmantes que ajudam o nosso organismo a relaxar. Assim, proporcionam calma e paciência.

Ganho de disposição

Se você costuma tomar café para manter-se ativo, saiba que alguns chás também oferecem esse benefício. Um exemplo disso é o chá-da-índia, que tem Camellia sinensis e L-teanina, um aminoácido que age sobre os neurotransmissores, fazendo com que as ondas-alfa aumentem a atividade cerebral, a disposição, o foco mental e concentração.

Prevenção de problemas psicológicos

Como você viu, a cafeína aumenta a liberação de adrenalina no corpo, deixando o indivíduo mais ‘’ligado’’, ansioso e irritado. Quando isso se repete com frequência, pode-se desenvolver doenças psicológicas, como a depressão.

Para evitar esse problema, você pode optar pelo chá de camomila, que atua como um sedativo, acalmando e combatendo a ansiedade. Uma vez que você diminua o consumo de cafeína, também deixará de sofrer com palpitações, geralmente causadas pelos altos níveis de adrenalina no corpo.

Redução de problemas estomacais

A cafeína acelera o processo de esvaziamento do aparelho digestivo, dando origem a um conteúdo gástrico extremamente ácido que fere as paredes do estômago e do intestino, tendo como consequência feridas que podem se converter em úlceras.

Os chás são mais leves e não agridem tanto o estômago quanto o café, logo diminuem os problemas estomacais. Inclusive, chás como o de malva e hortelã ajudam a aliviar as dores nessa região.

Se você está habituado com essa bebida e sente dificuldade para abandoná-la, o ideal é reduzir o consumo aos poucos e ir substituindo-a por chás naturais que proporcionem a mesma sensação de bem-estar, mas sem prejudicar o seu organismo.

Por que o café faz mal para a saúde?

A cafeína é o principal composto químico do café e, a princípio, até parece melhorar o nosso humor e nos deixar ativos. Porém, essa sensação de bem-estar vicia o nosso organismo, provocando a dependência do café. Nesse caso, o não consumo da bebida em doses altas leva à abstinência, como acontece com os usuários de drogas.

A alta concentração de cafeína no organismo estimula o sistema nervoso central, aumentando consideravelmente os batimentos cardíacos. Esse excesso também faz com que as nossas glândulas suprarrenais liberem mais adrenalina, de modo a elevar a pressão arterial, além de causar irritação, insônia e ansiedade.

Como tem uma combinação diurético-estimulante, que pulsa eletricamente pelo corpo, muito café faz com que os receptores do cérebro fiquem sobrecarregados, ocasionando dores de cabeça.

Você também pode se interessar por:

Benefícios do chá: conheça 8 tipos que vão ajudar a manter a sua saúde em dia

Quero parar de fumar: como reduzir o desejo pelo cigarro?

Conheça 9 alimentos que ajudam a parar de fumar

Últimas Notícias

Alimentação